12 de jan de 2015

O relacionamento terminou e agora?

É sempre difícil esse momento de ruptura, principalmente para quem ainda tem sentimentos pelo outro. Surge o vazio, a angústia, sentimentos de abandono e de decepção, inevitavelmente o coração fica em frangalhos e é muito difícil encontrar ânimo para sair da tristeza que se instala. 

Fugir da dor não resolve nada, o mais importante nesta fase é aceitar o fim, entender que acabou e colocar de vez na cabeça que é melhor enxergar a verdade do que se iludir, acreditando que ele(a) pode a qualquer momento bater à porta pedindo pra voltar porque a ansiedade dessa espera "irreal" vai com certeza te fazer muito mal. Muitas pessoas sofrem por anos, mesmo depois do término, porque não conseguem se desapegar, não aceitam o fim do relacionamento e passam a viver de expectativas, sempre acreditando que o outro ainda pode voltar e com isso estagnam suas vidas e abandonam as chances de encontrar outro alguém e serem felizes.

Claro que não adianta sair de uma história e já querer entrar em outra, pois a ferida não curou, a dor ainda passou, você não se resolveu e pular de um relacionamento para o outro desta maneira é burrice porque você vai levar junto todos os seus traumas e dores sobrecarregando o (a) novo(a) parceiro(a) e despejando nele(a) suas frustrações, isso é certo?

Aceite o fim, mesmo que doa, mesmo que seja penoso e chore tudo que tiver de chorar, sinta raiva, rasgue fotos, delete das redes sociais, enfim, tire essa pessoa realmente da sua vida porque somente com o afastamento é que a dor se cura melhor e pelo amor de Deus, não caia na idiotice de ficar vasculhando a vida da pessoa na internet e fora dela, afinal de contas, ela não deve mais nada a você, terminou, lembra?

Deixe que reste em você ao menos a dignidade de quem se dá valor e isso se mostra nas atitudes, quando você se afasta, quando vai cuidar da própria vida, quando retoma o ritmo de vida que tinha no trabalho, estudos e com sua vida social. Acredite, não tem coisa mais depreciativa do que uma pessoa que se humilha, que implora por amor e atenção e faz chantagens emocionais, portanto, haja com respeito a si mesma(o), se valorize.

Mesmo que você ainda tenha lá no fundo uma esperança de que ele(a) volte, então entenda que é melhor que ele(a) volte por amor, porque te quer e te admira, mas para isso precisa ser uma pessoa admirável, precisa estar bem consigo mesma(a), precisa estar em equilíbrio, se mostrando uma pessoa íntegra, confiante e que deseja o melhor pra si e acredite que depois que você atingir este estado de equilíbrio as portas se abrirão pra você e de repente um novo e inesperado amor pode acontecer, te surpreendendo!

Quer saber como encontrar esse estado de equilíbrio? Vem falar comigo...



Taróloga e terapeuta 
Drika Gomes
dryka.gomes@gmail.com